AmpeBr apoia plataforma ‘Vamos Superar’ em Brusque
Sistema on-line gratuito permite conectar pessoas que precisam de doações com quem deseja ajudar, de forma direcionada

"Conectar quem precisa de ajuda com quem quer ajudar". Esse é o objetivo da plataforma ‘Vamos Superar’, desenvolvida por empresas da área de Tecnologia da Informação de Blumenau após a pandemia do Coronavírus e que a partir de agora está disponível também na cidade de Brusque.

De forma acessível, facilitada e gratuita, a plataforma www.vamossuperar.com.br busca minimizar os impactos econômicos da pandemia, e permite cadastrar pessoas que precisam de itens de necessidades básicas, como alimentação, materiais de higiene, limpeza, roupas, entre outros, com pessoas que possam fazer a doação, de forma direcionada.

A iniciativa foi apresentada na tarde desta quarta-feira, 13 de maio, e conta com o apoio da da Prefeitura de Brusque e demais entidades, como a Associação das Micro e Pequenas Empresas de Brusque e Região (AmpeBr) e a Associação Empresarial de Brusque (ACIBr).

A apresentação da plataforma contou com a presença o secretário de Assistência Social, Odair Bozio; o secretário de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda, Ademir José Jorge, também presidente da AmpeBr; da presidente da ACIBr, Rita Cassia Conti; com e o diretor presidente do CITI Brusque, Vanderlei Albino, que apresentou a iniciativa.

“As pessoas que perderam o emprego recentemente não estão cadastradas na Assistência Social do município, e em alguns casos, algumas têm vergonha de buscar algum auxílio. Então essa plataforma é uma forma de ajudar, sem exposição, quem precisa e quem muitas vezes quer contribuir, mas não sabe de que forma”, comenta Albino.

 

Diferença social

A apresentação contou com a participação on-line de Vandir Fernando Rezende, da Lótus Tecnologia, uma das empresas envolvidas com o projeto. “Nosso objetivo é unir forças e ajudar ao próximo, para passarmos o mais rápido possível pelos momentos difíceis. Muitas vezes descobrimos que alguém da sua rua ou próxima a sua casa precisa de algum item que você pode doar. Assim, além de ajudar evitamos a circulação na rua pelo direcionamento das doações. Quanto mais pessoas souberem, mais poderão se cadastrar e serem contempladas”, explicou.

Para a presidente da ACIBr, saber da disponibilidade de plataforma que conecta pessoas e que pode fazer a diferença para muitas famílias, é como uma ‘corrente do bem’ tecnológica, que terá apoio da entidade. “É um trabalho voluntário que foi feito por diversas empresas, em uma plataforma altamente digital e oferecida de forma gratuita. E isso também é associativismo, onde todos cooperam de forma conjunta. A ACIBr vai abraçar esta causa e com certeza será uma iniciativa que irá se multiplicar por todo o país”, comentou na oportunidade Rita.

Da mesma forma o secretário de Assistência Social ressaltou a iniciativa e o apoio da Prefeitura em especial pelo momento difícil, onde toda ajuda para a população é válida, opinião compartilhada pelo secretário de Desenvolvimento. “Ficamos muito felizes em conhecer essa plataforma, que é gratuita, e possibilita as pessoas se conectarem. Estamos todos unidos, entidades, prefeitura, pois a cidade precisa e unidos, vamos superar essa tão grave crise”, completou Ademir.

 

Como participar

Tanto para quem precisa receber doações como para quem deseja contribuir, é necessário acessar o site ou aplicativowww.vamossuperar.com.br. Para quem precisa de doações, após concordar com os termos, basta preencher o cadastro solicitado com as informações. Somente a descrição dos itens necessários e a rua da pessoa cadastrada é que aparecem disponíveis para visualização. Informações como nome ou número da residência apenas são disponibilizados posteriormente para o doador, de forma específica, para a realização da entrega dos itens. Pode ser solicitado qualquer item, desde cestas básicas até livros, brinquedos, roupas, entre outros.

Para quem deseja doar, é possível fazer o uso do filtro disponibilizado pela plataforma, que seleciona o estado, a cidade, e o bairro de quem está cadastrado e apto para receber alguma doação.

 

Galeria de fotos